MãoFina

Novembro 30 2009

 Cada vez menos tempo. Falta de tempo. Não há tempo para delicadezas. Feijão, cu, merda, contracção, peido, merda. Mas, inesperadamente... um segundo, uma oportunidade, uma pergunta: este feijão é de conserva? - O pequeno grande problema é que as perguntas procriam: Sendo de conserva, quais os conservantes que leva? Serei um peido conservado? E se eu não quiser feijão na minha composição? Aqui algo de diferente acontece - encontram-se as respostas.

Posto isto, para hoje proponho um pequeno exercício de esforço no qual terão de fazer perguntas, eu dou uma pista: as perguntinhas levam um sinal que parece um ponto de exclamação, mas com graves dores de barriga "?". Agora, ao meu sinal podem começar... 3, 2, 1, PARTIDA!

"Mas por que considera que ser homossexual é ter um comportamento de risco? A pergunta não devia ser: Fez sexo desprotegido, independentemente da orientação sexual?

Todos os dados apontam no sentido de haver uma maior liberalidade do comportamento das pessoas que têm sexo com outros homens. E vou evitar usar a palavra homossexual, porque parece que não é politicamente correcto. Por causa do politicamente correcto, quase nos falta palavras para usar. Não posso falar de selecção de dadores, que me chamam Hitler. Nós não temos absolutamente nada contra os homossexuais. A doação de sangue é feita sem olhar a religião, a partidos, a nada. É feita porque há pessoas que precisam dela. Todo o esforço tem que ser o de encontrar o melhor sangue. Mas então toda a Europa, todo o mundo está enganado? Países muito liberais, como a Holanda ou a Suécia, estão enganados quando dizem que esse comportamento é de risco?"
 

Ler a continuação do artigo aqui: http://www.ionline.pt/conteudo/15804-gays-que-nao-se-assumam-devem-ser-processados

 Ass.:C


contra indicações: cócegas e palmadas
mais sobre mim
Novembro 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
14

15
21

22
23
24
26
28



links
pesquisar
 
blogs SAPO